Pesquisadores Unesp investigam nessa área e docentes palestram sobre o tema em Nova York

sposito

Eliseu Savério Sposito, pesquisador do GAsPERR e professor titular na Faculdade de Ciências e Tecnologia do câmpus de Presidente Prudente, no FAPESP Week New York

A partir da década de 1950, o Brasil se tornou um país predominantemente urbano. De acordo com o censo de 2010, 84,4% da população vivia em áreas urbanas e 15,6% em zonas rurais. Mesmo na nova classificação proposta em 2017 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), na publicação Classificação e características dos espaços rurais e urbanos do Brasil – uma primeira aproximação, 76% da população do país se concentra em áreas predominantemente urbanas. Leia+Mais→